XIX SIPAT e XVIII SIPATP NO PORTO DE BELÉM
 

               

 

A XIX Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho e Meio Ambiente – SIPAT e a XVIII Semana Interna de Acidentes do Trabalho Portuário – SIPATP no ano de 2018 teve um diferencial, aconteceu em conjunto com a programação em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente. A abertura ocorreu na manhã do dia 05 de junho no andar térreo do Edifício Sede da Companhia Docas do Pará. As atividades tiveram início com as boas vindas oferecidas pelos coordenadores do evento Cleiton Barbosa e Cristiane Andrade aos empregados e demais convidados, onde foi apresentada a equipe que compõe o Projeto de Educação Ambiental e Sustentabilidade na Escola Casa de Pesca atrelada a Fundação Escola Bosque. O Projeto é fruto de uma parceria entre Companhia Docas do Pará e UFPA através do Grupo de Estudos em Educação, Cultura e Meio Ambiente – GEAM. A professora Maria Ludetana Araújo do Instituto de Educação da Universidade Federal do Pará que integra o GEAM, falou para os presentes explicando sobre as atividades desenvolvidas no projeto de educação ambiental dentro do processo de gestão das empresas no qual a Companhia Docas do Pará é parceira há 10 anos e vem realizando um trabalho com foco em meio Ambiente e cidadania na área de influência do Terminal Portuário de Outeiro. Através de repasses financeiros, a CDP garante que a Casa Escola da Pesca mantenha os alunos da universidade como bolsistas para inserir a temática de educação ambiental nas práticas curriculares.

Dando continuidade a programação, a diretora do Projeto Educação e Sustentabilidade na Casa Escola da Pesca, Fatima Seabra, se pronunciou sobre a importância da  preservação das águas e do meio ambiente e trouxe como exemplo o sabão ecológico, produzido a partir do reaproveitamento do óleo de cozinha utilizado para frituras nas barraquinhas de alimentos na  ilha de Outeiro, com objetivo de sensibilizar os estudantes e o público envolvido a preservar o ambiente aquático, ambiente este em que a maioria faz parte, pois são moradores ribeirinhos da região e é desse área que eles tiram  a renda e o sustento. Na ocasião, também foi apresentado o resultado do projeto de beneficiamento e processamento do pescado, os estudantes trouxeram kibe preparado com a carne do peixe, brigadeiro e beijinho, preparados com 20 a 30 % de proteína do peixe, além dos ingredientes utilizados normalmente como o chocolate, açúcar e leite condensado, a ideia é utilizar 100% da matéria prima do peixe para evitar qualquer tipo de desperdício.

Por fim, as apresentações do Sarau de poesia, Carimbó Ecológico e Teatro Trilhas Encantadas deram um tom lúdico e educativo onde personagens das lendas amazônicas, como boto, Iara, vitória régia, saci Pererê, cobra grande entre outros, passaram mensagens sobre a importância da preservação das águas, fauna e flora, seguido da distribuição de lanches oferecido pelo projeto e sorteio de brindes.

 

Texto: Vinícius Leal

 

O segundo dia de programação da SIPAT (Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho e Meio Ambiente) e SIPATP (Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho Portuário), contou com palestras com assuntos importantes e, claro, de grande interesse e relevância para os empregados da CDP.

Na primeira palestra, o tema foi "Reforma Previdenciária e Aposentadoria", onde se buscou mostrar para os empregados e demais participantes, quais pontos foram alterados na nova reforma previdenciária, como nova idade para se aposentar, tempo de contribuição e demais questões sobre esse importante benefício dos cidadãos brasileiros.

Ao mesmo tempo em que acontecia a palestra, o público podia interagir com a palestrante e poderia tirar dúvidas sobre o tópico que estava sendo apresentado, a fim de que todos os esclarecimentos sobre o assunto fossem prestados. Com o encerramento da apresentação do tema, os empregados continuaram conversando com a advogada que ministrou a palestra, onde trataram de temas mais específicos, os quais estes ainda possuíam dúvidas.

Em seguida, deu-se início a palestra sobre "Prevenção com o uso de EPI", que serviu para alertar ainda mais a respeito da necessidade de utilização dos equipamentos de proteção individual no dia-a-dia do trabalhador portuário. Nessa palestra, o foco foi mostrar individualmente, em cada setor específico dos trabalhadores portuários, para que serviam determinados EPIs, qual a necessidade de utilização desse equipamento e a correta utilização deste.

Os empregados que participaram dessa palestra e da anterior, agradeceram a iniciativa da coordenação do evento em colocar na programação temas que realmente agregam no cotidiano desses empregados que, muitas vezes não tem conhecimento sobre assuntos tão importantes e que toda população deveria ter ciência. Por fim, houve a distribuição de lanches para os participantes e também teve sorteio de brindes, encerrando assim a programação do segundo dia de SIPAT / SIPATP.

O terceiro dia da programação da Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho e Meio Ambiente SIPAT – SIPATP, teve início com a feira Agricultura Familiar que trouxe mais uma vez para os empregados da companhia produtos diretos do produtor, de Santa Isabel do Pará e Bragança, garantindo qualidade e preço justo. O Momento Saúde, através de profissionais da Organização não Governamental Casa do Diabético, ofereceu aos participantes serviços de aferição de pressão arterial, exame de glicose e avaliação podológica com massagem e orientação ao tabagismo, o objetivo, segundo o presidente da ONG Rubilar Neves, é alertar e trazer esclarecimentos para a prevenção e cuidados acerca do Diabetes, que por ser uma doença assintomática muitas pessoas não sabem que são portadoras, o que permite o avanço da patologia.

Estudantes do curso de Nutrição da Faculdade Maurício de Nassau, realizaram avaliação nutricional com pesagem, com intuito de orientar, esclarecer e oferecer dicas sobre alimentação e saúde para os participantes que também tinham à disposição orientações jurídicas com foco na nova lei trabalhista e serviços de emissão de documento RG. Encerrando a programação  houve distribuição de lanche para os presentes. 

Texto e fotos: Eliza Forte